fbpx
  • Blog
  • 5 SUVs compactos mais econômicos do Brasil com etanol

O segmento de SUVs compactos é um dos mais concorridos do mercado. Dentre os argumentos para a compra, estão a maior altura do solo, o grande espaço interno, e em alguns casos, o tamanho do porta-malas. No entanto, em tempos em que o preço dos combustíveis ultrapassa os R$ 8 o litro, uma das maiores preocupações na hora de escolher um carro novo é justamente o consumo. Mas quais são os SUV compactos mais econômicos do Brasil com etanol?

Para tirar essa dúvida, separamos os cinco SUVs compactos mais econômicos com etanol à venda no país, de acordo com a tabela do Programa Brasileiro de Etiquetagem Veicular (PBEV), do Inmetro. Vale lembrar que optar pelo uso do etanol só é vantajoso quando o preço do combustível equivale a cerca de 70% do preço da gasolina, uma vez que o consumo com etanol chega a ser até 30% maior, dependendo do veículo. Confira:


5º lugar – Volkswagen Nivus 1.0 TSI AT

Abrindo a lista, o Volkswagen Nivus ocupa a quinta posição do nosso ranking de economia. Todas as versões do SUV cupê são equipadas com o motor 1.0 turbo flex de 116/128 cv (gasolina/etanol) de potência e 200 Nm de torque. Ele é sempre associado a um câmbio automático de 6 marchas. Segundo o Inmetro, o Nivus faz 7,6 km/l na cidade e 9,6 km/l na estrada com etanol. A média é de 8,6 km/l, enquanto o preço parte de R$ 118.350 na versão Comfortline.

4º lugar – Chevrolet Tracker 1.0 Turbo AT

Em quarto lugar, temos o Chevrolet Tracker. Os números são referentes às versões do SUV equipadas com o motor 1.0 turbo flex de 116 cv e 160/165 Nm de torque (g/e), sempre com câmbio automático de 6 marchas. De acordo com o Inmetro, o Tracker 1.0 faz 8,2 km/l na cidade e 9,6 km/l na estrada, uma média de 8,9 km/l. Parte de R$ 113.490 na versão Turbo AT.

3º lugar – Fiat Pulse 1.0 Turbo CVT

Abrindo o pódio, o terceiro lugar da lista fica com o Fiat Pulse. Lançado em outubro do ano passado, o Pulse emplacou três versões diferentes na lista. No caso das versões equipadas com o motor 1.0 turbo de 125/130 cv (g/e) e 200 Nm de torque e câmbio automático do tipo CVT, os números são de 8,5 km/l na cidade e 10,5 km/l na estrada, sempre com etanol. A média é de 9,5 km/l. Parte de R$ 103.446 na versão Drive Turbo.

2º lugar – Fiat Pulse 1.3 manual

Em segundo lugar, temos mais uma vez a presença do Fiat Pulse. Agora, os números são referentes à versão de entrada Drive, que é a única com o motor 1.3 Firefly aspirado de 98/107 cv (g/e) de potência e 130/134 Nm (g/e) associado a um câmbio manual de 5 marchas. De acordo com o Inmetro, essa versão do Pulse faz 9,1 km/l na cidade e 10,1 km/l na estrada com etanol. A média é de 9,6 km/l. Parte de R$ 86.056.

1º lugar – Fiat Pulse 1.3 CVT

Ocupando todos os lugares do pódio, o SUV mais econômico do Brasil com etanol é o Fiat Pulse. A versão Drive equipada com o motor 1.3 Firefly aspirado de 98/107 cv de potência e 130/134 Nm (g/e) com câmbio automático CVT é a campeã em economia com etanol. Os números são de 9,2 km/l na cidade e 10,4 km/l na estrada. Com isso, a média geral com esse combustível é de 9,8 km/l. Já o preço é de R$ 94.804.

 

Fonte: Portal Terra – economia – carros

Solicite um contato da nossa equipe